Metabolismo Lipídico

Os lipídeos, biologicamente, mais relevantes, são os fosfolípideos, o colesterol, os triglicerídios e os ácidos graxos.

Os fosfolipídeos formam a estrutura básica das membranas celulares. O colesterol é o precursor dos hormônios esteróides, ácidos biliares e vitamina D. Os triglicerídios são formados a partir de 3 ácidos graxos ligados a uma molécula de glicerol, e constituem uma das formas de armazenamento energético mais importantes no organismo, depositados no tecido adiposo e muscular.

Os ácidos graxos são classificados como saturados ou insaturados (mono ou poli-insaturados).

Ex: Ácido Oleico (mono)

Omega 3 e 6 (Poli-insaturados)

Aterogenese: Aterosclerose é uma doença inflamatória (Depósito de gordura – Placa Ateromatosa) crônica de origem multifatorial, que ocorre em resposta a agressão endotelial (camada que recobre as artérias) aumentando, principalmente, a camada íntima de artéria de médio e grande calibre (Artéria Normal – tem 03 camadas: adventícia (externa), média e íntima).

Fatores de risco para a aterosclerose:

1 – Tabagismo – 24% da população (maior concentração na faixa etária 30-49 anos)

2 – Hipertensão – 15% da população

3 – Diabetes – Prevalência 7,6% da população

4 – Obesidade – 32% da população apresenta sobrepeso

5 – Dislipidemia – 38% dos homens e 42% das mulheres, apresentam colesterol elevado.

Classificação Bioquímica ou Fenotípica.

1 – Hipercolesterolemia isolada

LDL – C > 160 mg/dl

2 – Hipertriglicerídemia isolada

> 200 mg/dl

3 – Hiperlipidemia Mista

Aumento de LDL – C

Aumento de triglicerídeos

Aumento de colesterol total (acima de 200mg)

4 – HDL – C baixo

Redução do HDL – C

Homens abaixo de 40mg

Mulheres abaixo de 50mg

Classificação Genotípica:

1 – Monogênicas

2 – Poligênicas (Múltiplas mutações)

Hiperlipidemias – Situações Clínicas Especiais:

A – Hipotireoidismo – tratamento hormonal

(Puran T4, Euthirox, Syntroid, etc…)

B – Hepatopatias Crônicas:

1 – Cirrose Biliar.

2 – Colangite Esclerosante

C – Sídrome da Imunodeficiência Adquirida (SIDA)

Lipodistrofia

Hiperlipidemia Mista :Retrovirais

Resistência a Insulina

D – Soros positivos – SIDA

Baixo risco

1 – Perfil lipídico normal

2 – Sem retrovirais

1- Perfil lipídico normal

2 – Com HAART (retrovirais)

Alto Risco:

Não usar Sinvastatina, fibrator e Omega 3

E – Diabetes mellitus:

Hipertrigliceridemia

Diminuição do Colesterol HDL

Aumento de LDL

F – Doença Renal Crônica:

Hiperlipidemia Tipo Mista

( Triglicirideos e Colesterol – elevados)

G -Síndrome Metabólica:

1 – Obesidade Abdominal (Central- Visceral)

2 – Dislipidemia: Aumento de triglicerídeos / Diminuição do HDL

3 – Resistência a insulina

4 – Hipertensão Arterial Sistêmica

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s